Buscar no site

12/dez/2018

DEZEMBRO

Autor(a): Jason Jair Frutuoso

É dezembro, mês sagrado do calendário,

Mês da graça do nascimento;

É festa para Jesus de Nazaré.

2018 anos, aponta o calendário da era cristã.

 

O mundo está em festa,

Festa justa, DEUS escolheu aqui seu representante.

Sob o signo da paz, o mundo deveria caminhar,

Assim teríamos o bastante para amar.

 

Outros meninos também nascem.

Tantos meninos caminham pela cidade:

Meninos sem festa produzindo o barulho das ruas,

Animados pelos maestros alheios.

Na ausência da mãe desprovida do provedor,

Eles vivem no orfanato do desamor.

 

O tempo é bom, mas eu preciso lhe pedir, amigo:

Em nome do Criador, não me venha falar de amor,

Enquanto houver uma única criança na rua,

Uma única mãe a lamentar o desamparo.

 

Não dá para pregar o amor,

Enquanto uma única semente for semeada

Sob o viaduto,

Um único paraíso fiscal estiver engordando com o dinheiro

Da escola,

Do hospital,

Da casa não construída,

Do desemprego dos desvalidos.

Enquanto houver mortes indiretas

Produzidas pelos desviados políticos.

 

 

 

 
Design: Fábrica de Criação   |   concrete5 - open source CMS © 2019 Jason Jair Frutuoso.    Todos direitos reservados.